Notícias
Escrito por FENADADOS  05/03/2018
Cobra Tecnologia - Campanha Salarial 2017/2018

Neste ultimo encontro com a empresa foi possível avançarmos na renovação das cláusulas sociais e sindicais, conseguimos através de muito debate e argumentação que quase a totalidade das cláusulas do Acordo Coletivo, no que diz respeito as cláusulas sociias e sindicais fossem renovadas. No entanto, a empresa registrou que esta proposta só terá validade se for acatada na íntegra. Incluindo a proposta de inclusão da empresa de jornada 12X36. Registrou também seu interesse em levar a Campanha Salarial 2018/2018 para ser decidida no TST. 

A Fenadados insistiu na renovação das cláusulas do ACT vigente, pois tinha autorização e aprovação dos trabalhadores, que aprovaram nas assembleias estaduais: a renovação das cláusulas constantes no ACT vigente e a rejeição do reajuste zero apresentado pela empresa.  A manutenção das cláusulas do Acordo Coletivo dos Trabalhadores é fundamental. Com a Reforma Trabalhista que foi aprovada e entrou em vigor em novembro/2017, a intenção do governo e consequentemente da direção da Cobra Tecnologia é a de supressão de direitos. Como não estão conseguindo este intento com as negociações salariais tem trabalhado com as Normas Internas para atingir seu intento de supressão de direitos. Clique aqui e leia a Ata das Preliminares.

A Cobra Tecnologia chegou na reunião reiterando a proposta de reajuste zero. É preciso registrar que a empresa está superavitária, portanto com condições reais de apresentar uma proposta econômica. 

Ocorre que a ida ao TST (dissídio coletivo) neste momento, não nos dá segurança e garantia nenhuma. Vejamos a direção da Cobra iniciou esta campanha tentando impor retirada de cláusulas que constam no ACT vigente, com as reuniões de negociações, conseguimos até o momento renovar quase que a totalidade das cláusulas sociais e sindicais. O governo diz e age da seguinte forma: aos trabalhadores nada às negociações políticas o que for necessário...

O que pode ocorrer no TST, ao chegar no Tribunal todo o nosso acordo poderá ser alterado, pois por parte da direção da Cobra Tecnologia a renovação das cláusulas está condicionada a concordância/aceitação de toda a sua proposta, inclusive o reajuste zero para as cláusulas econômicas.

O momento é de continuarmos privilegiando o processo negocial. Para tanto, propusemos nova rodada de negociação para o dia 21 de março/2018, aguardamos manifestação da diretoria da empresa para que possamos continuar com as tratativas da Campanha Salarial.

Clique aqui e leia a Ata da Reunião de Negociação

Clique aque e leia a Ata de assunto preliminares 

 

Assista ao vídeo produzido pela Fenadados em apoio às mobilizações marcadas para este 8 de março e contra as reformas da previdência e trabalhista.

Fenadados no Facebook


Entre em contato