Notícias
Escrito por FENADADOS  21/08/2019
Cobra desrespeita decisão do TST e comete crime contra a organização do trabalho

A primeira reunião entre Fenadados e Cobra Tecnologia referente à Campanha Salarial 2019 seria realizada ontem (20/07/2019), em Brasília-DF. Contudo, a Fenadados tomou a decisão de não comparecer a esta reunião por entender que a empresa agiu de má fé e interferiu na organização dos trabalhadores quando, somente após a confirmação da Fenadados, comunicou que a realização da mesa de negociação ocorreria com a participação de outra federação.

A única federação de âmbito nacional com Acordo Coletivo firmado com a Cobra Tecnologia é a Fenadados. E foi por esse motivo que, na última campanha, no julgamento do Dissídio da outra federação, a decisão do TST foi estender o Acordo celebrado pela Fenadados.

Assim, se é o Acordo firmado pela Fenadados que tem validade para o TST, a Fenadados entende que a presença de outra federação, e, ainda, com o intuito de discutir uma pauta de reivindicações diversa da aprovada em assembleia pelos trabalhadores representados pelos sindicatos filiados à Fenadados, não nos ajuda na atual conjuntura de negociações, muito pelo contrário: nos atrapalha e muito!

Sabemos que as cláusulas tratadas, ontem, em reunião e registradas em ata não podem refletir a negociação entre a Cobra e a outra federação porque são cláusulas do Acordo Coletivo firmado com a Fenadados, portanto não há que se falar em renovação ou alteração de um acordo inexistente! Assim, a Fenadados entende que esta ata não tem valor legal algum porque carece de legitimidade da representação dos trabalhadores ali presente, uma vez que ela não a parte Acordante de nenhum instrumento coletivo com a Cobra Tecnologia.

Por todo o acima exposto, a Fenadados tomou a decisão de não comparecer na reunião de hoje e não participará de uma negociação nessas condições que, pelo ocorrido na primeira reunião, é no mínimo, irresponsável! Não mediremos esforços na busca das medidas necessárias para a defesa dos direitos dos trabalhadores!

 

Ex senador Lindberg Farias em defesa do Serpro e da Dataprev e contra as Privatizações

Fenadados no Facebook


Entre em contato