Notícias
Escrito por FENADADOS  17/08/2017
Serpro - Nenhum direito a menos!!!

A FENADADOS afirmou em mesa que, por decisão unânime de todas as assembleias dos trabalhadores e das trabalhadoras, não aceitará qualquer forma de redução de direitos, direta ou indiretamente.

Com esta posição, a Fenadados conseguiu em negociação que o Serpro acatasse o pleito dos trabalhadores nas cláusulas de Atestado de Acompanhamento e Auxilio a filho portador de necessidades especiais. 

Porém as reivindicações econômicas ainda não foram negociadas, permanecendo pendente. 

A empresa reivindica negociação de Banco de Horas e escala de trabalho 12X36, para esta reivindicação do Serpro a Fenadados se posicionou dizendo que estas negociações temáticas não ocorrerão durante a negociação da Campanha Salarial.

Em nome da transparência nas informações a Fenadados reiterou a reivindicação de transmissão das mesas para todos os trabalhadores do Serpro.

A Fenadados propôs próxima rodada de negociação, referente à Campanha Salarial 2017/2018, para o dia 30 de agosto de 2017, às 10 horas, na sede da empresa.

O Serpro ficou de se posicionar até o dia 22 de agosto quanto a agenda sugerida.

Clique aqui e leia a ata.

 

Presidente da Fenadados, Carlos Alberto Valadares (Gandola) alertou os deputados, na Assembléia Legislativa do Pará, que a venda do Serpro e da Dataprev colocará em risco a paralisação do governo, caso empresa privada descumpra contrato. Também lembrou que o comprador terá exclusividade na prestação do serviço ao governo, acabando com a isonomia no mercado, que hoje através de licitações se habilita a prestar os serviços de informática.

Fenadados no Facebook


Entre em contato