Possível privatização de empresas federais de tecnologia leva discussão à Alepa

Fonte: http://mandatobotefe.com.br/ – Por Jéssica Diniz

Deputado Dirceu Ten Caten, líder do PT, conduzirá o assunto na próxima terça-feira, 12.

O Governo Federal anunciou recentemente um programa de privatizações de empresas estatais em segmentos distintos, a notícia preocupa integrantes das empresas Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados) e Dataprev (Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social), por isso, na próxima terça-feira, 12, o assunto será tratado na Assembleia Legislativa do Pará (Alepa).

Trata-se de uma iniciativa que atende além do interesse público, o pedido de técnicos que defendem essencialmente o amplo debate sobre o papel das empresas envolvidas, os interesses do País e, sobretudo, as consequências de tal medida.

Para se ter uma rasa ideia, a grande preocupação refere-se exatamente sobre a segurança e o sigilo de dados estratégicos para o Estado brasileiro, para empresas e milhões de pessoas, especialmente, como o sigilo de contribuintes, comércio exterior, segurança pública, pensionistas, veículos automotores e os próprios condutores, por exemplo.

Em total acordo sobre a necessidade de discutir a possível privatização das estatais, o deputado Dirceu (PT) receberá o público e técnicos no plenário Newton Miranda da Alepa, às 14h, para mediar o debate em sessão especial que deverá aprofundar a questão e ouvir trabalhadores e trabalhadoras diretamente envolvidos.

Empresas desenvolvem tecnologia considerada estratégica para o País

Serpro é considerada a maior empresa pública de desenvolvimento de tecnologia da informação do mundo e provê o processamento de dados desde 1964 com serviços vinculados à emissão de CPF, passaporte, emissão de CNPJ, arrecadação federal e pagamentos, declaração de imposto de renda etc. Estima-se que a empresa é responsável por cerca de 4 mil sistemas informacionais em todo o País.

Já a Dataprev é a responsável pela administração do sistema que processa todo o funcionamento da Previdência Social, desde o pagamento de mais de 34 milhões de benefícios previdenciários, a concessão de benefícios e o próprio funcionamento informatizado e interligado do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), além do próprio Sistema Nacional de Emprego (Sine).

 
 

One thought on “Possível privatização de empresas federais de tecnologia leva discussão à Alepa

  1. Esta muito claro o que esse Governo esta pretendendo alem de entregar os dados de milhares de Brasileiros a iniciativa privada vai esta fechando regionais que eles dizem que são deficitarias mas até ontem não eram, são milhares de trabalhadores com familias que perderam seus empregos por uma politica mentirosa e gananciosa que só esta visando seus lucros, temos que da um basta o mais urgente possivel, temos que mostrar nossa força e que o Bem sempre vence o Mal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *