Greve Dataprev – Mediação no TST com a ministra Kátia Arruda e o representante do MPT

Fenadados, sindicatos filiados, Sindppd/RS e Sindpd/SC eFNI

Mediação no TST com a ministra Kátia Arruda e o representante do MPT iniciou às 14h30min, desta terça-feira, 04 de fevereiro de 2020.

Proposta final foi de:
Suspensão das demissões
Suspensão da greve, após a realização das assembleias que devem acontecer amanhã, quarta

Nenhum desconto dos dias parados

Este procedimento se daria por 15 dias com renovação automática por mais 15 dias.

O tema da greve vai para a mediação do TST com a vice presidência para em 15 dias e, se necessário, mais 15 para tratar e buscar negociação para o impasse das demissões.

Da parte da empresa disseram que estão buscando uma solução mesmo que parcial…

A representação dos trabalhadores buscou, inicialmente, que houvesse simplesmente a suspensão permanente das demissões e com isso o final da greve. Reafirmou que quer a solução para os quase 500 trabalhadores. Há espaço para alocação no INSS e outros órgãos como foi o caso da portaria de 15 de janeiro que convocou 49 trabalhadores, parte para INSS e parte para o ministério da economia.

A empresa não aceitou está formulação e neste sentido então que ficou o acordo onde teremos 15 dias prorrogaveis automaticamente por mais 15 para fazer a mediação no TST e buscar uma solução para o impasse

As assembleias devem acontecer nesta quarta-feira, dia 05/02/2020 para tratar desta proposta que saiu da mediação do TST

Clique aqui abaixo e leia a ata da audiência

http://fenadados.org.br/wp-content/uploads/2020/02/Ata-TST.pdf

2 thoughts on “Greve Dataprev – Mediação no TST com a ministra Kátia Arruda e o representante do MPT

  1. O DESRESPEITO AOS TRABALHADORES CONTINUA
    A EMPRESA DIVULGA COMUNICADO DO FIM DA GREVE E SUSPENDE AS DEMISSÕES DAS UNIDADES EM PROCESSO DE DESATIVAÇÃO.
    A UNIDADE SERGIPE ESTÁ DESATIVADA, FOMOS COBAIA DESTE PROCESSO .
    É AGORA!
    VAMOS ASSINAR A CARTA DE DEMISSÃO?
    .

  2. NA ASSEMBLEIA DE SERGIPE, SE A MAIORIA VOTAR PELO FIM DA GREVE, ONDE IREMOS TRABALHAR?
    O PESSOAL DO PATRIMÔNIO/RJ COLOCOU ETIQUETAS NOS MÓVEIS COM INDICATIVO DE LEILÃO UM OUTRO COLEGA, TAMBÉM DO RJ FORMATOU TODAS AS MÁQUINAS.
    A TRANSPORTADORA LEVOU PARTE DO MOBILIARIO. OS CONTRATOS COM TERCEIRIZADAS ENTRE OUTROS ESTÃO ENCERRADOS.
    VAMOS FICAR EM CASA ATÉ O INSS PUBLUCAR NOSSA CESSÃO NO DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO?

Comments are closed.